terça-feira, 11 de agosto de 2015

Agora vai ser diferente: Vereador Samuel se autointitula líder do governo na Câmara e incomoda adversários; Sobrou até para Flávio Dino;

SHARE
Blog do kim Pereira - terça-feira, 11 de agosto de 2015
Por Blog do William Fernandes 

Vereador tomou a iniciativa de defender o governo e vai enfrentar a bancada de oposição, que vem atacando Belezinha desde o primeiro dia de seu mandato, mesmo com tantas ações executadas em seu governo.

Inspirado na mudança de rumo que a política nacional está tomando, em que políticos de grupos diferentes estão apoiando a presidente Dilma, pela “governabilidade” do País, o vereador Samuel tomou uma iniciativa inusitada. Ele se autointitulou líder do governo Belezinha na Câmara municipal de Chapadinha, durante seu discurso da sessão de ontem. O decano, que já foi líder em governos anteriores, entende que a prefeita está trabalhando muito e, no entanto, vem sendo achincalhada pela oposição desde o primeiro dia de seu mandato.

“Pronto, a partir de hoje eu vou caminhar em defesa dessa mulher. Se nessa Casa não tem um líder, eu serei o líder do governo na Câmara. Sra. Presidente [Márcia Gomes] faça um ofício e encaminhe à Sra. Prefeita, para que ela me indique como o líder do governo”, disse o parlamentar.

“Vou iniciar minhas palavras de uma maneira diferente do que as pessoas estejam esperando eu falar. O governador do Maranhão, imbuído de uma coragem extraordinária, partiu para a luta em defesa da presidente Dilma Rousseff. Nós temos aqui uma Casa com 15 parlamentares e o que vejo, são ataques e mais ataques, em cima de uma pessoa que está procurando fazer algo por Chapadinha, que é a prefeita Belezinha. E essa mulher tem sido atacada demais aqui nessa tribuna. E não levanta nem uma pessoa sequer, para dizer se ela faz pelo menos uma coisa boa. E eu resolvi, também, partir agora para a defesa. Porque eu me lembro, que só teve duas pessoas para fazer a defesa de Belezinha, aqui nesta Casa: o vereador Marcelo e o vereador Irmão Carlos. O vereador Marcelo abria a boca para dizer ‘eu sou para choque da prefeita’. E porque deixou de ser para choque da prefeita? [Foi] porque houve um racha? [Foi porque] perdeu os privilégios? Só se foi isso aí. Mas o racha não era motivo para deixar de ser para choque. Então virou problema pessoal”, alfinetou Samuel.

Na avaliação de Samuel, dentre os prefeitos de Chapadinha, Belezinha é a que mais trabalhou e destacou também, que, mesmo diante de tamanha crise enfrentada pelo pais, a prefeita de Chapadinha não parou de trabalhar, executando muitas obras e mantendo a folha de pagamento em dia. “Será que só Chapadinha tem dinheiro?”

Incomodados

Para o vereador, a realização de muitas obras - a exemplo de duas praças recém inauguradas, mais de mil km de estradas, pontes reformadas e construídas, iluminação pública em toda a cidade e interior, escolas reformadas, duas creches, UPA, oito UBS, CRAS, CREAS, três ginásios, asfalto e bloquetes em diversos bairros (Corrente, Caterpillar, Vila Vitória, Parque Independência, Vila Vagner, Corrente, Campo Velho, Pedreira) entre outras obras em execução ou que estão por iniciar - vem incomodando os vereadores que criticam a prefeita, por causa da aproximação das eleições municipais, no ano que vem.

“Eu nunca tinha visto tanta gente em inauguração de praça, mesmo sem bandas ou sorteio de prêmios, como ei vi na inauguração destas duas praças [da Bandeira e da Bíblia]. Podem ter certeza de uma coisa: esses que combatem Belezinha, vão ter que andar muito nas estradas feitas por ela, iluminadas pelo governo Belezinha e ainda vão beber água dos poços construídos pelo governo Belezinha".

Quando o ex-presidente da Câmara, vereador Nonato Baleco questionou sobre o destino dos recursos administrados por belezinha ao longo dos três anos de administração, Samuel respondeu falando de todas as obras executadas e/ou em execução e da folha de pagamento do funcionalismo e ressaltou também, que muitos dos recursos oriundos de convênios nem foram liberados ainda. O vereador não deixou por menos e cutucou Baleco, chamando de “caixão de defunto” uma obra erguida por ele, nos fundos da Câmara, que custou mais de R$ 100 Mil.

O vereador Marcelo não gostou quando Samuel lembrou do tempo em que seu pai, Isaías Fortes, foi prefeito de Chapadinha. Segundo Samuel, Isaías deixou uma parte dos funcionários com dez meses de salários atrasados, outra parte ficou sete meses sem receber e alguns ficaram com até um ano de atraso e nem foram pagos, resultando em uma briga na justiça, gerando precatórios que ainda hoje trazem consequências para o município, e que Belezinha é quem está pagando.

Críticas a Flávio Dino 

Samuel aproveitou para tecer duras críticas ao governador do Maranhão, Flávio Dino, pela falta de investimentos na área de segurança pública em Chapadinha e em todo o estado. “É morte, roubo, assalto todo dia e ninguém resolve nada. Ninguém pode mais sentar na porta de casa, ninguém pode mais sair de casa. Cadê a atitude do governador? Só conversa! Cadê o aumento de policiamento para Chapadinha? Até agora nada! [O governador] Suspendeu todas as obras”.

Hoje à tarde, em entrevista à Rádio Mirante, Samuel reafirmou seu compromisso em defender o governo na Câmara.

Belezinha agradece

Ao tomar conhecimento da iniciativa do vereador, em defende-la na Câmara, a prefeita Belezinha e o secretário de articulação política, Aluízio Santos, por telefone, parabenizaram-no e o agradeceram, reconhecendo a importância que tem o experiente parlamentar, detentor de sete mandatos naquela Casa.


Segundo Aluízio, assim que chegar a Chapadinha, a prefeita irá formalizar a indicação de Samuel como líder do governo na Câmara.
SHARE

Author: verified_user

0 comentários:

Outros Blogs

Postagens mais visitadas

Arquivo do blog